16/08/2009

JUGO DESIGUAL

”Não te aparentarás com elas, não darás tuas filhas, e não tomarás filhas para teus filhos de mim, para servirem outros deuses, e a ira do Senhor se acenderia contra vós, e depressa os consumiria.” (DT 7.3-4).

1) A Teoria
O namoro e o casamento devem ocorrer entre pessoas que estão em igualdade de conduta, sob pena de quebra da continuidade.
O casal deve seguir a mesma linha de pensamentos e doutrinas de Jesus.
O cristão não deve namorar, noivar e se casar com pessoas atéias ou secretarias de outros deuses estranhos.
Namorar e noivar é uma arte que exige muito equilíbrio do casal para não permitir que o abrasamento e a lascívia venham estar presentes. Porém se o jugo for desigual é o mesmo que dar total legalidade para o inimigo atuar em seu relacionamento.
O jugo desigual provoca ainda: discórdia, ferimentos irreparáveis, traição e outros malefícios.
O povo de Deus possui qualidades e ritmos que tendem para os frutos do Espírito e os infiéis para os vícios e desejos da carne.
(http://eneas.meublog.org/artigos/jugo-desigual/)
2) O Meu Argumento
"...Não permitam que o medo os afaste. Cada par que se forma na essência da realidade é um trabalhador que doa seu amor mais puro e terno, para a formação da luz. Não podemos criar a luz sem o amor, não podemos trabalhar para a paz sem o amor, não podemos fazer nossa parte sem que vocês vivam o amor. Vossos medos são muito pequenos, em relação ao tamanho do Universo. Todos devem assumir o verdadeiro amor, porque o exemplo do amor tocará mais e mais pessoas. Quando somadas, as histórias individuais formam a mais bela história de amor, que encantará os corações mais endurecidos [...] Cada criatura que se ama e se funde a outra, em sua essência, doa a mais bela luz para as fronteiras. É assim que se está desencadeando a maior força do Universo - a força do amor. Libertem-se de suas limitações sociais, vivam a superioridade, a generosidade. [...] deixe seu exemplo de vida, sua segurança de amor. Esse é o processo do amor incondicional. [...] Não tenham medo de serem felizes. Essa felicidade é só uma centelha do que vocês poderão viver e ser. Lembrem-se, a felicidade é exemplo para todos. Ser feliz também é vosso compromisso. Mostrem que a felicidade é possível neste planeta de provas, quando a entrega é verdadeira... "
(http://www.caminhosdeluz.org/03.htm)

3 comentários:

RznD disse...

Lindo argumento ;)
o amor é aquele sentimento capaz de te fazer enxergar tamanha nobreza nas coisas mais simples deste mundo.

RznD disse...

Lindo argumento.
Diga-me se há algo melhor neste planeta de provas quando nossa entrega é verdadeira e, como um presente, surge em nossas vidas aquele que parece completar-nos? Aquele que promete romper nossas próprias fronteiras de luz, mostrando-nos, além, a existência de um novo caminho em que será possível descobrir o verdadeiro significado da expressão ' amor indondicional'?

Priscilla disse...

''vossos medos são muito pequenos em relação ao universo '' isso é totalmente verdade , pena que muito tenham medo de enxergar.